Manuscrito 7 – É delicioso estudar

“É delicioso estudar. Nada é tão delicioso como estar só. É delicioso pensar. Como é delicioso produzir. Tudo isto tem que ser levado em conta para aquele que vê suas delícias serem constantemente esmagadas pela sofreguidão dos próximos. Sou um homem do deserto, apaixonado por estalidos e estrelas confusas, envolvido pela solidariedade humana. Não seria bom uma grande mortandade para lá de minha vida, – meu estômago é civilizado -, para enfim uma vida em torno de brisas frescas e justas reflexões? Quem pensa assim hoje já não surpreende ninguém e, [ainda] por cima, é mal visto. Que assim seja para o bem da vida.”

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: